ANACOM apresenta estudo de qualidade de serviço das redes móveis aos autarcas do concelho de Vimioso

O Presidente da ANACOM, João Cadete de Matos, esteve no Vimioso, no dia 13 de julho de 2021, para uma apresentar ao Presidente da Câmara de Vimoso, Jorge Fidalgo Martins, e aos Presidentes das juntas de freguesia do concelho, os resultados do estudo de qualidade de serviço das redes móveis no município.

O estudo foi realizado na sequência de uma solicitação do Presidente da Câmara de Vimioso, e envolveu a realização de medições no período de 29 e 30 de junho de 2021, para avaliar o desempenho dos serviços de comunicações eletrónicas e verificar os níveis de cobertura radioelétrica GSM, UMTS e LTE, dos sistemas de comunicações móveis dos operadores MEO – Serviços de Comunicações e Multimédia (MEO), NOS Comunicações (NOS) e Vodafone Portugal – Comunicações Pessoais (Vodafone), no concelho de Vimioso.

Pretende-se, desta forma, averiguar a experiência do utilizador em termos de acessibilidade aos serviços, sendo que, para o efeito, foram estabelecidas chamadas de voz para avaliação deste serviço, realizados testes NET.mede para avaliação da performance do serviço de dados, e verificados os níveis de sinal das redes rádio para avaliação da cobertura das redes.

Os principais resultados verificados são os seguintes:

  • A cobertura do sinal dos sistemas de comunicações móveis dos operadores analisados apresenta níveis de cobertura de “muito má” a “muito boa”, sendo que a maior parte dos valores registados se situam no intervalo “má/inexistente” a “muito má”.

    Do total de amostras registadas da rede de cada operador, verifica-se que existe ausência de rede em 0,3% no caso da MEO, 10% no caso da NOS e 12,1% no caso da Vodafone.

  • No serviço de chamadas, foi possível estabelecer a chamada em 100% dos casos, na MEO; 80,8% para a NOS; e 84,3% para a Vodafone. No entanto, nem todas as chamadas iniciadas nos três operadores foram concluídas com sucesso, algumas acabaram por cair antes de terem sido voluntariamente terminadas – a MEO apresenta um rácio de terminação de chamadas de 93,6%, a NOS de 77,9% e a Vodafone de 73,8%.
  • No serviço de dados regista-se o sucesso na realização dos testes à velocidade de Internet feitos através do NET.mede, tendo sido medida a velocidade de upload, download e latência. Os valores registados são de 73,2%, 40,2% e 43,9% respetivamente, para a MEO, NOS e Vodafone.

    Nestes testes as velocidades médias de transferência de dados em download/upload foram de 27,8/6,5 Mbps na MEO, 20,7/5,9 Mbps na NOS e 13,9/6,1 Mbps, na Vodafone.

Na tabela seguinte é indicada a classificação do desempenho dos operadores para cada serviço:






Síntese da avaliação/resultados
Melhor Cobertura Melhor Acessibilidade do Serviço
de Chamadas
Melhor Acesso à Internet
Operador Com Sinal Operador Chamadas Operador NET.mede
MEO 99,7% MEO 100,0% MEO 73,2%
NOS 90,0% Vodafone 84,3% Vodafone 43,9%
Vodafone 87,9% NOS 80,8% NOS 40,2%

Na sessão de apresentação, alguns Presidentes de junta de freguesia manifestaram ainda outras preocupações para além da cobertura das redes móveis. A ausência de fibra nalgumas freguesias e a receção da televisão digital terrestre (TDT) foram apontados.

O Presidente da Câmara, Jorge Fidalgo Martins, ficou satisfeito com o facto de as obrigações de cobertura associadas ao leilão de 5G permitirem melhorar a cobertura do concelho com redes móveis, mas afirma-se cético. Enfatizou as dificuldades e a injustiça da inexistência de fibra nalgumas freguesias e as démarches feitas para assegurar a cobertura, sem sucesso. Sobre a TDT, referiu que existem várias freguesias com televisão digital por satélite e que não devem ser os cidadãos a suportar os custos para poderem ver televisão, que deverá ser um encargo do Estado. Referiu ainda que, nesses casos, os operadores têm interesse em vender serviços de televisão paga.


Partilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no linkedin