ANACOM assegurou qualidade das comunicações no Rally de Portugal 2021 e na Cimeira Social do Porto

A ANACOM acompanhou e prestou apoio ao Vodafone Rally de Portugal 2021 que decorreu entre 20 e 23 de maio de 2021 e que este ano e já contou com a participação do público. Nas suas áreas de competência, a ANACOM alocou recursos de modo a garantir a melhor qualidade à realização do evento ao nível das comunicações, tanto de emergência, como das forças de segurança, ao mesmo tempo que se procurou assegurar a qualidade das comunicações ao nível da organização e da transmissão televisiva, a nível internacional.

Foram efetuadas ações de monitorização do espectro radioelétrico em Coimbra, Arganil, Lousã, Gois, Mortágua, circuito de Lousada, Vieira do Minho, Cabeceiras de Basto, Amarante, Felgueiras, Mondim de Basto, Fafe, Porto e no circuito da Foz, por duas equipas técnicas suportadas por meios móveis com capacidade de deteção e radiodeterminação de possíveis interferências e interferentes.

As características desta prova desportiva apresentam-se como altamente desafiantes do ponto de vista técnico, permitindo a obtenção de uma importante experiência para o futuro, sobretudo devido à elevada complexidade envolvida, resultante de:

  • convocar uma variedade de meios técnicos internacionais de alta intensidade tecnológica que têm de coexistir em situação de elevado uso e interoperabilidade;
  • ser um evento que se desdobra no espaço “bidimensional” em vários pontos do país, com horografias distintas, mas também no espaço “tridimensional” a todo o tempo, ao recorrer a meios aéreos (um avião e um helicóptero);
  • ser um momento em que uma grande massa de dados está a ser transferida em tempo real em virtude de uma grande presença de teledifusão, da sensorização dos percursos e dos circuitos, da significativa presença de telemática e de câmaras de vídeo a bordo das viaturas, bem como de um público muito participativo munido com dispositivos sofisticados e que vive em rede este tipo de espetáculos.

O trabalho de licenciamento de frequências prestado previamente foi essencial à realização deste evento. Foram licenciadas 64 frequências, num total de 133 MHz de largura de banda ocupada, distribuída por sectores como a radiodifusão televisiva, microfones, segurança, sensores, entre outros, num total de 866 equipamentos autorizados.

Imagem da Vodafone Rally de Portugal 2021, 20 a 23 de maio de 2021.
 
Legenda: Vodafone Rally de Portugal 2021, 20 a 23 de maio de 2021

Em maio, a ANACOM esteve ainda presente na Cimeira Social do Porto, realizada no âmbito Presidência Portuguesa da União Europeia, colaborando estreitamente com as entidades de segurança e outros intervenientes, no quadro da sua missão ao nível da deteção, localização e anulação de possíveis fontes de interferência em radiocomunicações.

Imagem da Cimeira Social do Porto, 7 e 8 de maio de 2021.
 
Legenda: Cimeira Social do Porto, 7 e 8 de maio de 2021


Partilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no linkedin