Cidades inteligentes em conferência e aceleração no Algarve

cidades inteligentes em debate
A mobilidade sustentável é um dos grandes desafios das cidades inteligentes e a incubadora algarvia não é alheia a esta realidade

Integrada no 2.º Bootcamp Online de Aceleração do Algarve, a StarUp Portimão promove no dia 20 de maio a conferência “O Futuro das Smart Cities” (cidades inteligentes), na qual serão abordadas temáticas ligadas aos ODS – Objetivos de Desenvolvimento Sustentável. A sessão de abertura online está marcada para as 15 horas e contará com a presença de Luís Matos Martins, administrador dos Territórios Criativos, e de Filipe Vital, vice-presidente da Câmara Municipal de Portimão.

O debate, sob moderação de Teresa Preta, CEO dos Territórios Criativos, será digital e totalmente em inglês, com a participação de Cláudia Sousa Leitão, ex-secretária nacional da Economia Criativa do Brasil, que partilhará a sua perspetiva como governante, José Apolinário, presidente da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Algarve, enquanto representante da região, Mário Velindro, presidente do Instituto Superior de Engenharia de Coimbra, que falará sobre os esforços da academia no desenvolvimento da temática em foco, e de Miguel Pinto Luz, vice-presidente da Câmara Municipal de Cascais, na linha da frente das cidades inteligentes.

A conferência sobre o futuro das cidades inteligentes pretende desenvolver ligações fortes com a comunidade, ao debater temáticas atuais com a participação de oradores experientes, permitindo assim uma discussão mais ampla e abrangente. Os interessados em participar nesta conferência totalmente online, gratuita e em inglês devem inscrever-se no link: http://bit.ly/sp_conf2021

Cidades inteligentes e investimento

Também no âmbito do 2.º Bootcamp Online de Aceleração do Algarve, têm lugar no dia 19 de maio duas talks sobre investimento. A primeira, intitulada “The Hunt for Success”, tem início às 10 horas e terá a participação de Pedro Andrade, fundador e CEO da Hunter e integrante da “Forbes 30 under 30”, que explicará como “caçou” um investimento de 500.000 euros.

Quanto à talk “Fontes de Financiamento”, agendada para as 10h30, trará insights sobre diferentes formas de financiamento, contando com especialistas em diferentes áreas, como são os casos de Miguel Barbosa, Filipe Portela e Yoann Nesme, que vão “trocar por miúdos” o que é o business investment, o venture capital e o crowdfunding, respetivamente.

LEIA TAMBÉM: A inteligência urbana como arma no combate à pandemia

Para ambas as talks, os interessados deverão inscrever-se gratuitamente no link http://bit.ly/BootcampSP_19maio

A importância das Smart Cities

As Smart Cities são, além de cidades inteligentes, sim, mas sustentáveis, a pensar nas pessoas e no seu bem-estar, o que serve de mote para a incorporação de projetos e soluções urbanas. Por esse motivo, mais de 80 por cento das empresas sediadas na incubadora de empresas do Município de Portimão desenvolvem projetos nestas áreas, em áreas como a energia, mobilidade, turismo, governança e qualidade de vida.

LEIA TAMBÉM: Digital Signage Awards 2021: Partteam & Oemkiosks é finalista

A mobilidade sustentável é um dos grandes desafios das Smart Cities e a incubadora algarvia não é alheia a esta realidade, não só através da organização de iniciativas, mas também pelos projetos incubados.

StarUp Portimão dinamiza empreendedores locais (também) focados nas cidades inteligentes

Perante a situação pandémica que se continua a viver, e à semelhança do que já havia sucedido no ano passado, o 2.º Bootcamp de Aceleração do Algarve, cujo primeiro momento aconteceu nos dias 21 e 22 de abril último, é totalmente realizado em formato online e resulta de uma parceria entre a Câmara Municipal de Portimão, o Autódromo Internacional do Algarve, a GEN Portugal e os Territórios Criativos.

Estão a participar no evento 14 projetos, oriundos de Portugal, Brasil, Itália, Hungria, Reino Unido e Síria, sobretudo focados nas áreas das cidades inteligentes, dos quais alguns encontram-se ligados à StarUp portimonense, como o Link-a-Ring, que está a implementar no mercado uma solução de aluguer temporário de cozinhas. Localizado na Aldeia do Carrasco, permite que, sem investimento inicial, qualquer pessoa possa testar o seu produto ou conceito de restauração, sem o risco de perder o valor investido.

Quanto à startup Rejoice be genuine, é focada na promoção de cultura de consumo consciente e sustentável e do wellness comunitário. Por seu turno, a Teodósio Racing Academy oferece experiências relacionadas com rally, incluindo uma componente educativa de condução para jovens talentos.

Também incubado na StartUp Portimão, o projeto SWRS está a desenvolver um sistema compacto e de fácil instalação, que permite a reutilização de águas cinzentas em descargas sanitárias.

No que diz respeito ao projeto Oh Maria!, igualmente incubado na StartUp Portimão, pretende desenvolver uma app enquadrada no turismo social, destinando-se tanto a anfitriões locais como a turistas que podem usufruir de serviços gastronómicos diferenciados nas suas habitações.

LEIA TAMBÉM: A sustentabilidade e a reinvenção do “novo normal”

Já o projeto Atlas, apesar de não estar diretamente ligado à StarUp Portimão, pertence a um jovem empreendedor portimonense a dar os primeiros passos e que participa regularmente nas iniciativas da incubadora da sua terra natal dedicadas à juventude. Este projeto está focado na realização de passeios marítimo-turísticos pela costa algarvia, de forma informal e confortável, recorrendo a uma embarcação inovadora e autossustentável.

Informações adicionais para órgãos de comunicação social:

Salomé Cabrita

Câmara Municipal de Portimão

DICM – Divisão de Informação, Comunicação e Marca

e: [email protected]

t: +351 282 470 785

Partilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no linkedin