Inovar no trabalho: 5 dicas para desafiar o status Quo e trazer mais valias

inovar no trabalho

O pensamento inovador é uma competência altamente valorizada em ambiente de trabalho: é fundamentalmente um processo de pensamento criativo utilizado para gerar ideias e soluções. Trata-se de uma tarefa complexa que envolve encontrar novos métodos para resolver problemas ou procedimentos. Inovar no trabalho produz resultados que mudam ou desafiam o status quo. Em termos profissionais, isto significa procurar formas de pensar diferentes para produzir melhores práticas empresariais, que trazem mais-valias tanto para funcionários como para os clientes.

Estas competências de pensamento inovador são tão valorizadas no mercado de trabalho que devem ser incluídas num currículo ou carta de apresentação e discutidas durante uma entrevista de emprego. Podemos enfatizar competências como a criatividade ou a resolução de problemas, que serão bem acolhidas pelos empregadores. Saiba reconhecer-se com um pensador inovador:

Os pontos de partida para inovar no trabalho

Criatividade

A criatividade está frequentemente associada a talentos artísticos, mas ser criativo pode ser uma forma de pensar ou uma forma de ver o mundo de forma diferente. As pessoas criativas geram ideias através de múltiplos métodos, tais como brainstorming. Também implementam métodos diferentes para pôr em prática novas ideias.

Originalidade

Os pensadores inovadores encontram novas formas de expressar as suas ideias. Mudam o status quo com a sua inventividade, concebendo ideias únicas para partilhar com outros. Os inovadores são frequentemente os primeiros a propor uma nova abordagem porque procuram formas de fazer algo diferente.

Resolução de problemas

Aqueles que praticam o pensamento inovador encontram naturalmente formas de resolver problemas. Ao procurarem formas alternativas de fazer algo funcionar, aprendem muitas vezes com os fracassos e não têm medo de assumir riscos. Em vez de verem uma tarefa impossível, acham o desafio estimulante. Os inovadores podem mudar um processo ou encontrar outra solução no meio de um projeto porque se recusam a desistir.

Pensamento crítico

Deve-se procurar inovar no trabalho partindo do raciocínio indutivo e dedutivo para analisar uma situação e chegar a uma solução. Para inovar, estes pensadores sintetizam a informação e fazem ligações para interpretar a informação e tirar conclusões. O pensamento crítico também significa avaliar ideias e refletir ao longo de todo o processo. Os inovadores olham para um problema pensando em como uma parte afeta outra ou o todo.

Curiosidade

Os inovadores fazem muitas perguntas sobre o mundo à sua volta. Continuam a perguntar “Porquê?” e “Como?” porque querem saber o resultado da sua ideia. Também questionam os métodos convencionais de fazer algo, se acreditam que o processo pode ser melhorado.

Colaboração

Aqueles que praticam o pensamento inovador envolvem outros nos seus planos: estão dispostos a fazer compromissos para atingir um objetivo comum. Partilham a responsabilidade pelo sucesso e fracasso. Os inovadores veem o potencial nos outros e utilizam as competências dos seus pares para ajudar a transformar uma ideia em realidade.

Comunicação

A capacidade de comunicar de forma eficaz pode ser determinante na capacidade de inovar no trabalho. Comunicar e desenvolver o seu próprio pensamento criativo. Os inovadores também podem motivar e encorajar a inovação nos outros.

LEIA TAMBÉM: Reskilling: os benefícios segundo a Spring Professional

Como melhorar a capacidade pesar de forma inovadora?

#1 – Incentivar a Criatividade

Procure oportunidades para ser criativo no trabalho e na sua vida pessoal. Quando confrontado com um desafio, faça uma lista de soluções. Use a sua imaginação para gerar ideias que comecem com “E se”? Leia os conselhos de outros pensadores criativos da sua área de atividade e de outras disciplinas de interesse.

#2 Aprender com o Fracasso

Muitos daqueles que logram inovar no trabalho acreditam que o fracasso é o melhor instrumento de ensino. Dar a si próprio espaço para falhar e avaliar os erros pode aumentar a sua capacidade de pensar de forma criativa. Pense nas tentativas falhadas como uma forma de testar uma ideia e avançar para a solução seguinte.

#3 Considerar todas as ideais

Os pensadores inovadores deixam as suas ideias fluir sem limites. Criar uma mentalidade onde cada conceito tenha potencial durante o processo de pensamento inicial. O contributo de outros pode também ser uma parte importante da formação de ideias.

#4 Expandir a base de conhecimentos

Os inovadores reconhecem que as ideias podem vir de qualquer fonte. Aumentar os conhecimentos através do desenvolvimento profissional e pessoal. Encontrar oportunidades para aprender e melhorar as competências pessoais.

#5 Reconhecer a inovação

Celebrar o pensamento inovador nos outros. Explorar métodos de resolução criativa de problemas e descobrir como geram ideias para ajudar a inspirar a própria criatividade.

Pratique as suas competências focado em inovar no trabalho!

Os profissionais que inovam são valorizados pela forma como prosseguem ativamente iniciativas que melhoram a eficiência e trazem novas ofertas aos clientes e colegas. Saiba como demonstrar na prática e siga as dicas:

  • Ser o primeiro a fornecer uma solução: se notar um problema que precisa de ser resolvido ou um processo que pode ser melhorado, diga-o. Partilhe respeitosamente ideias sobre como melhorar a situação com o seu gestor de equipa.
  • Anotar novas ideias: manter uma lista de ideias ou um diário. Quando ideias importantes precisarem de ser recordadas ou partilhadas, consultar estas notas. A leitura de ideias criativas é também uma ótima forma de preparação para uma revisão de desempenho ou autoavaliação.
  • Aja de acordo com as suas próprias ideias: pratique ideias inovadoras, criando novos processos ou soluções dentro da sua posição para melhor impactar a empresa. A gestão é suscetível de se aperceber quando são demonstradas competências inovadoras.
  • Partilhar ideias inovadoras com a direção: sempre que houver uma reunião formal com o gestor de equipa, pedir a oportunidade de partilhar ideias inovadoras.
  • Aprender e incorporar novas competências: a aprendizagem contribui para o pensamento inovador. Quando o conhecimento é posto em prática experimentando novas competências, mostra que estamos a inovar os nossos próprios processos de trabalho.
  • Solicite feedback sobre novas ideias: os pensadores inovadores raramente trabalham sozinhos. Precisam de ajuda para implementar novas ideias com competências que podem não possuir. Pense em ideias inovadoras com colegas de trabalho e faça um plano para atingir um objetivo comum.

LEITA TAMBÉM: Desemprego Jovem: 9 competências para evitá-lo

Para mais informações:

Inês Maia e Silva

967 521 865

[email protected]

Partilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no linkedin