Mudar de operadora: 5 sinais de que chegou a hora

mudar de operadora

De acordo com um comunicado divulgado pela Deco Proteste no ano passado, os problemas com a faturação, qualidade do serviço e tentativas falhadas de desvinculação contratual foram algumas das principais queixas dos consumidores face às operadoras de telecomunicações. E apesar de nem todas as experiências serem más, a verdade é que há casos em que ter um serviço de telecomunicações acaba por ser mais um transtorno do que uma vantagem. Mas quais são os principais sinais de que está na altura de mudar de operadora?

Embora cada situação seja única, segundo a Selectra– especialista em tarifários de telecomunicações- há alguns indicadores que demonstram por si só que talvez seja mais vantajoso para o cliente mudar de operadora, e estes são alguns dos que devem ser tidos em conta:

Motivos pelos quais deve mudar de operadora

  • Interrupções constantes no serviço

Ficar sem cobertura de internet não é algo incomum, no entanto se esta é uma situação recorrente pode facilmente tornar-se numa fonte de problemas, principalmente para quem trabalha a partir de casa. Assim, o que deve fazer em primeiro lugar é entrar em contacto com a sua operadora e explicar-lhe a situação, dando-lhe a oportunidade de corrigir o problema. No entanto, se a empresa não conseguir garantir nenhum tipo de melhoria na qualidade do serviço, o melhor será mesmo começar a procurar por outras alternativas no mercado.

  • Velocidade de internet aquém do prometido

Antes de mais, é importante ter em conta que a velocidade de internet não é constante uma vez que pode depender de fatores como as caraterísticas dos próprios equipamentos ou de anomalias na rede. Porém, se tiver feito um teste em alturas distintas e o resultado obtido mostrar que está a ter acesso a velocidades muito inferiores àquelas que lhe prometeram no seu contrato, o melhor será optar por mudar de operadora, para um serviço com mais velocidade de internet.

  • Custos acrescidos todos os meses

O valor da sua fatura difere todos os meses? Desconfie! Isto porque, mesmo que tenha excedido o plafond de internet por uma ou duas vezes excepcionais, não é razão para lhe estarem constantemente a cobrar montantes diferentes. Assim, se tem dúvidas sobre o preço que lhe tem vindo a ser exigido, reveja as suas faturas anteriores e confronte a sua operadora sobre as condições do seu pacote.

  • Inexistência de descontos na operadora atual

O setor de telecomunicações é, por sua vez, um mercado bastante competitivo, onde as empresas disputam constantemente pela atenção dos consumidores. E, o que à partida pode parecer confuso, acaba por ser afinal uma mais valia para quem está à procura de um novo pacote de internet já que estão sempre a surgir ofertas e descontos bastante vantajosos para novos clientes.

Por fim, se já tentou entrar em contacto com a sua operadora para resolver algum destes problemas e a resposta ficou muito aquém do que esperava, não há dúvidas que a melhor opção é mesmo mudar de operadora. Enquanto cliente, as suas preocupações devem vir sempre em primeiro lugar, e se a empresa com quem celebrou um contrato, não age de acordo com esses critérios, dificilmente as condições oferecidas vão compensar o incómodo causado.

Posto isto, se não existem dúvidas de que quer mudar de operadora, reveja as cláusulas do seu contrato e perceba se ainda está dentro do período de fidelização de modo a poder fazer a troca de serviço de forma rápida e fácil.

No entanto, caso ainda não tenham passado os 24 meses habituais de permanência obrigatória, fique a saber que existem algumas situações nas quais é possível fazer o cancelamento do contrato antes do tempo, como por exemplo:

  • Se tiver contratado o atual serviço por telefone ou online há menos de 14 dias;
  • A operadora não estiver a respeitar as cláusulas do contrato, não resolvendo situações de anomalia ou fazendo alterações sem um aviso prévio de 30 dias;
  • Estiver perante uma situação de desemprego, emigração, mudança de morada ou falecimento do titular.

Na hipótese de precisar de se informar mais sobre o processo de troca ou sobre qual será o melhor pacote no mercado, peça ajuda a uma empresa especializada na matéria e em conjunto analise qual é a opção mais adequada ao seu perfil de consumo.

Para mais informações

Ana Margarida Mendonça Fidalgo

Departamento de Comunicação, Selectra

tel. 962 485 595 – e. [email protected]

Partilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no linkedin