Teletrabalho em Portugal: apresentação de estudo sobre perceções de chefias e trabalhadores face à pandemia

teletrabalho em portugal

Perante a pandemia do COVID-19, o teletrabalho surgiu como uma das melhores alternativas para evitar contatos sociais desnecessários, forçando as organizações e trabalhadores a adaptar infraestruturas, equipamentos e competências. Perante este cenário, e com o apoio de diversos parceiros, os investigadores do Projeto Work @ Home recolheram mais de 2500 testemunhos sobre como é estar em teletrabalho em Portugal, durante uma pandemia. O principal objetivo foi conhecer as perceções de todos os que foram repentinamente desafiados a enfrentar o teletrabalho: do ponto de vista de gestão de equipas e de membros de equipas.

A apresentação dos resultados será partilhada com toda a comunidade no próximo dia 8 de junho, em formato Webinar e contará com a presença de Filipa Sobral, investigadora principal do Work @ Home do CEDH da Faculdade de Educação e Psicologia da Universidade Católica Portuguesa e de Catarina Morais e Rita Santos Silva, também investigadoras do projeto, financiado pela Fundação para a Ciência e a Tecnologia (FCT). Haverá ainda um momento de mesa redonda sobre o teletrabalho em Portugal, durante a pandemia: desafios, estratégias e oportunidades, com moderação de Filipa Sobral, que contará com a presença de Maragarida Calado, Head of People da Everis; Nuno Gonçalo Simões, Human Capital Director da PwC Portugal e Sónia Lara Nunes, Head of People & Culture da Mercer Portugal.

Filipa Sobral, investigadora principal do projeto [email protected], salienta que as grandes particularidades deste estudo “estão no desenho da recolha, que por um lado possibilitou a existência de muitas questões em formato aberto, permitindo aos participantes partilhar as suas experiências; e por outro lado, termos um inquérito específico para as chefias e outro para os trabalhadores sem cargos de liderança. Esta diferenciação permitiu apurar os desafios que cada grupo de trabalhadores enfrentou, tendo em consideração, nas chefias, a sua responsabilidade de gerir e motivar equipas neste formato de trabalho.” Foi ainda frisada pela investigadora, “a importância das parcerias criadas com as empresas que colaboraram no estudo e que mediante os resultados apresentados ponderam a implementação de medidas concretas.

Ao analisar os dados recolhidos, será possível partilhar com toda a comunidade quais foram os principais desafios apontados por trabalhadores e chefias; quais as estratégias que formal e informalmente foram adotadas pelas organizações e seus trabalhadores; que tipo de apoio foi facultado pelas organizações e como foi sentido pelos trabalhadores; como foi, ou não, possível conciliar a vida pessoal e profissional; quais os níveis de burnout e isolamento social sentidos antes e durante este período; ou, qual a disponibilidade destes trabalhadores para manter este regime de trabalho (ainda que num contexto não pandémico).

A discussão destes resultados e, a consequente reflexão sobre o futuro (ou presente) do mercado de trabalho face aos novos modelos e dinâmicas, será realizada com a ajuda de especialistas na área da Gestão e Desenvolvimento de Pessoas, que têm convido de perto com este período de mudança e adaptação organizacional. O projeto [email protected] é financiado pela Fundação para Ciência e a Tecnologia (FCT) através do Centro de Investigação para o Desenvolvimento Humano (CEDH) da Faculdade de Educação e Psicologia da Universidade Católica Portuguesa.

As inscrições para assistir ao evento podem ser feitas AQUI.

LEIA TAMBÉM: Cursos de Verão da Católica no Porto: Inscrições para a Teen Academy estão abertas

Programa Webinar sobre o Teletrabalho em Portugal

9h00 – Boas-vindas
Filipa Sobral | Investigadora Principal do Work @ Home do Centro de Investigação para o Desenvolvimento Humano (CEDH) da Faculdade de Educação e Psicologia da Universidade Católica Portuguesa

9h15 – Projeto Work @ Home – Apresentação e Discussão dos Resultados
Catarina Morais e Rita Santos Silva | Investigadoras do Work @ Home do Centro de Investigação para o Desenvolvimento Humano (CEDH) da Faculdade de Educação e Psicologia da Universidade Católica Portuguesa

9h45 – Mesa redonda: O teletrabalho em Portugal, na pandemia: desafios, estratégias e oportunidades
Moderadora: Filipa Sobral | Investigadora Principal do Projeto [email protected] do Centro de Investigação para o Desenvolvimento Humano (CEDH) da Faculdade de Educação e Psicologia da Universidade Católica Portuguesa

Margarida Calado | Head of People da Everis

Nuno Gonçalo Simões | Human Capital Director da PwC Portugal

Sónia Lara Nunes | Head of People & Culture da Mercer Portugal

10h45 – Wrap-up

Para mais informações

Patrícia Gomes

[email protected]

Partilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no linkedin