Quinta do Soalheiro lança game da Uva Alvarinho

uva alvarinho
Jogo convida os mais novos a ajudar a uva Alvarinho a seguir o seu percurso da vinha ao vinho

Celebrar o território que dá chão à uva Alvarinho e aos vinhos que promovem e notabilizam Monção e Melgaço em todo o mundo. No dia que assinalou o reconhecimento do selo de origem da sub-região (7 de junho), o Soalheiro, primeiro produtor de Alvarinho em Melgaço, lançou o jogo virtual “A Aventura da Uva Alvarinho”.

Depois de, no ano passado, em plena pandemia e com as escolas fechadas, o Soalheiro ter editado e distribuído mais de 3.000 livros “Alvarinho – A história de uma uva que queria ser território” pelas casas dos alunos de Monção e Melgaço, a história ganha vida no espaço virtual em www.jogodauva.pt. O desafio, de acesso gratuito, convida os mais novos a ajudar a uva Alvarinho a seguir o seu percurso da vinha ao vinho, combatendo os “inimigos” como o míldio ou as geadas.

Este lançamento foi apresentado na véspera aos alunos dos Agrupamentos de Escolas de Monção e Melgaço, que, em conjunto com os professores, em cada um dos concelhos, pintaram um mural alusivo à uva Alvarinho e à tradição vitivinícola da sub-região.

Para Luís Cerdeira, enólogo do Soalheiro, a aproximação com a comunidade escolar tem uma missão clara. “A valorização e preservação da tradição vitivinícola de Monção e Melgaço, como base de sustentabilidade económica, social e ambiental da região. Numa cultura de produção de minifúndio, em que as vinhas são tratadas pelas famílias como jardins, a envolvência das novas gerações neste legado é a chave para fazer perdurar a identidade e o futuro. São estes os futuros protagonistas e defensores do território”.

A par do jogo, há também uma novidade para os amantes do vinho que visitem a Quinta de Soalheiro. O novo kit “À Descoberta do Território” reúne todos os essenciais para uma aventura pelas paisagens inconfundíveis que compõem um retrato de que fazem parte o Rio Minho, o Parque Nacional Peneda-Gerês, as pequenas parcelas de vinha típicas do minifúndio e que originam a cultura familiar e única da casta e uva Alvarinho. O kit inclui uma garrafa de Soalheiro Clássico com uma manga que a vai manter fresca, um saca-rolhas, dois copos, um queijo da Prados de Melgaço.

O pack é acondicionado num saco Soalheiro, com uma particularidade: o bolso é feito com um tecido alternativo ao couro, produzido com resíduos da uva Alvarinho da vindima no Soalheiro. Uma inovação desenvolvida em parceria com a Tintex Textiles, empresa minhota que é atualmente reconhecida em todo o mundo pelos processos de produção sustentável.

ENOTURISMO

Como complemento, inclui um voucher “Prova de Vinho Origem” para desfrutar na varanda panorâmica do Soalheiro, com uma vista desafogada sobre as montanhas que circundam e fecham o vale.

Recorde-se que a Quinta de Soalheiro tem portas abertas a todos os que quiserem conhecer mais sobre os seus métodos de viticultura biológica e enologia, disponibilizando vários programas de visita e provas da uva Alvarinho, incluindo experiências gastronómicas e ainda opção de estadia na Casa das Infusões, unidade de alojamento local e ponto de partida para a descoberta do território.

Com quatro horários de visita por dia, o enoturismo do Soalheiro está aberto todos os dias, priorizando os grupos pequenos para garantir a qualidade da experiência.

O kit “À Descoberta do Território” está disponível na loja da Quinta de Soalheiro, em Alvaredo, Melgaço e na loja online.

Partilhe:

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no linkedin